02/06/2021

Lançamento da sétima edição da Revista Dystopia e chamada para artigos

São Paulo

“Tudo o que fazemos é profundamente político, inclusive a ciência” é a inesperada posição de um dos mais renomados físicos atualmente, Carlo Rovelli. Em entrevista para a Dystopia, Rovelli passa a limpo seus livros e principais ideias, explicando o porquê o tempo não existe e o agora é apenas uma ilusão das nossas relações, sem falar, é claro, de suas posições políticas. Na segunda entrevista desse volume, a professora e antropóloga Lilia Schwarcz fala sobre como o Brasil, desde seu descobrimento até a gestão desastrosa de Bolsonaro na pandemia, insiste em acabar com sua memória e forjar uma história conservadora que esconde violências que cruzam raça, gênero, religião e classe sob o mito da democracia racial.
 
Nossa sétima edição traz ainda análises e ensaios incríveis, como o da professora britânica Esther Leslie sobre a dívida do grupo paramilitar alemão Baader Meinhof como o filósofo Walter Benjamin, e da professora estadunidense Adrienne Mayor sobre como a tecnologia perpassa o simbolismo da vida, desde a mitologia grega até a literatura contemporânea. O filósofo e fã inveterado de David Bowie, Simon Critchley, escreve um passional ensaio sobre a fascinante obra do músico britânico cinco anos após sua partida. A pesquisadora Alana Moraes, faz uma crítica ao despotismo democrático no qual o neoliberalismo mobilização diferenciações sociais para docilização cidadã, segregação racial e sacrifício social. Já o escritor Ian Buruna, num polêmico artigo, argumenta que, por mais problemático que seja com seu racismo e imperialismo, o legado do iluminismo ainda tem muito a ensinar sobre o potencial da humanidade e da cultura
 
Estamos abrindo chamada de artigos para a nosso próximo volume que sairá em agosto. Enviem seus artigos e ensaios de no máximo 4 mil palavras para info@dystopiamag.com. Os artigos devem ser voltados à uma análise crítica da política e economia contemporânea (nacional e internacional), assim como tecnologia, cultura, arte, sociedade e ciência.
 
Esperamos que gostem de nossa sétima edição.
 
Boa leitura